Buscar

21 DE MARÇO: DIA INTERNACIONAL PELA ELIMINAÇÃO DA DISCRIMINAÇÃO RACIAL


O dia 21 de março foi instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU) como o Dia Internacional Pela Eliminação da Discriminação Racial. Isso porque, a data ficou marcada já que, em 1960, na África do Sul, 20 mil pessoas negras protestavam contra uma lei racista que as limitava de circular em alguns lugares. Assim, embora a manifestação fosse de cunho pacífico, 69 pessoas foram mortas pelo Exército enquanto outras 186 ficaram feridas. Esse ataque ficou conhecido como o massacre de Shaperville. A discriminação racial viola os direitos humanos, na medida em que nega às pessoas acesso a direitos básicos e ataca diretamente a dignidade da pessoa humana. No Brasil, um país marcado pelo racismo estrutural e por sua construção social baseada na exploração de negros escravizados e indígenas, a discriminação racial é um obstáculo para que essa parcela da população possa acessar os serviços de educação e saúde, exercer a participação democrática, obter uma moradia digna e acesso à justiça e ao mercado de trabalho formal. São também a parcela da população mais afetada pela violência, sendo essa violência praticada pelas instituições policiais e sistema de justiça do Estado baseado no perfil racial como critério para criminalizar e punir.

Ademais, no contexto da pandemia, vários países do ocidente mostraram o aumento de casos de discriminação étnico-racial, sendo desde xingamentos à agressões e privação de serviços, contra imigrantes asiáticos e descendentes por associá-los à transmissão do COVID-19.

#PraCegoVer: imagem história de uma multidão de pessoas protestando em um funeral das pessoas que foram assassinadas no massacre de Shaperville.

Foto por: Nações Unidas “Apartheid - A Crime Against Humanity”


0 visualização0 comentário