Buscar

LIDERANÇAS E ORGANIZAÇÕES INDÍGENAS ALERTAM: ATAQUES POR GARIMPEIROS CONTRA OS YANOMAMIS CONTINUAM


Alguns líderes indígenas, como a Sônia Guajajara, e redes de articulação dos povos indígenas, como a HAY (Hutukara Associação Yanomami) e a Apib (Articulação dos Povos Indígenas do Brasil), têm denunciado e exposto nas redes os ataques promovidos por garimpeiros contra uma aldeia em Palimiú, na Terra Indígena Yanomami, em Roraima. O início dos ataques ocorreu no dia 10/05, em que mais de vinte garimpeiros invadiram comunidade de Palimiú armados com fuzis e com metralhadoras (Instagram da Apib, 10/05). Segundo a Uol (17/05), no dia seguinte, 11/05, a própria equipe da Polícia Federal (PF) que foi averiguar o local do conflito teve que entrar em uma troca de tiros com os garimpeiros, que dispararam contra a própria PF.

Em vídeo publicado nas redes sociais da APIB, Dário Yanomami, presidente da HAY, relatou que no dia 15 líderes Yanomamis denunciaram a morte de duas crianças, dois meninos de 1 e 5 anos de idade. Segundo Dário, os corpos foram encontrados boiando no rio Uraricoera no dia 12 de Maio após uma busca promovida pela própria comunidade no dia 11. Na manhã de domingo, dia 16, a comunidade Palimiú sofreu um novo ataque. Segundo os relatos, cerca de 15 barcos se aproximaram da comunidade e dispararam tiros e lançaram bombas de gás lacrimogêneo.

De acordo com o relatório "Cicatrizes na floresta", lançado em Março pelas organizações indígenas HAY (Hutukara Associação Yanomami) e Seduume (Associação Wanasseduume Ye'kwana) com assessoria técnica do ISA (Instituto Socioambiental), o Garimpo avançou consideravelmente no ano de 2020, chegando às terras indígenas. Porém, para além do desmatamento, o garimpo gera outros riscos como a contaminação das águas dos rios, fonte de subsistência dos povos locais.

Foto: Victor Moriyama/ISA (Retirada do site apiboficial.org)


#PraCegoVer: imagem como foto de quatro indígenas Yanomami de fundo. Logo do Senso Crítico no canto superior esquerdo da imagem.



1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo